A Guayapi ganha em Genebra, na Suíça, o premio UEBT para a inovação no âmbito do comercio bio-ético, pela parceria com o Projeto Warana do CGTSM

postado em 1 de dez de 2011 18:59 por Maurizio Fraboni
Dia 29 de novembro, a União para o biocomercio ético-UEBT premiou a Guayapi (o principal cliente do Consórcio dos Produtores Sateré-Mawé) como empresa do setor alimentar cuja atividade inovadora promove a conservação da biodiversidade e a justa repartição dos benefícios na fileira de produção e comercialização do Warana, o guarana nativo dos Sateré-Mawé.
Esse reconhecimento não é importante só para a Guayapi. Ele premia também, por outro lado, a luta dos produtores e das lideranças tradicionais Sateré-Mawé que souberam resistir, ao longo dos anos até hoje, contra toda pressão e toda chantagem política e econômica, e souberam manter de pé, desenvolvendo-a cada vez mais, a autonomia de sua organização étnica. E que encontraram na Guayapi um parceiro capaz de entender o projeto de futuro da Nação Sateré-Mawé, o projeto integrado de etnodesenvolvimento inspirado pelo Wara. Parabens Guayapi!
Ċ
Maurizio Fraboni,
1 de dez de 2011 18:59
Comments