II secção: biblioteca acadêmica

Índice por Autores

Nesta secção se encontram arquivadas, até hoje, 157 obras de 137 entre autores e co-autores de 10 diferentes países (Brasil, Itália, França, Alemanha, Colômbia, Sri Lanka, Reino Unido, Espanha, Chile e Estados Unidos), sem dizer dos inúmeros colaboradores que deram seu aporte, mencionados ou não nas fichas. São livros, matérias, vídeos etc, científicos ou jornalísticos, que de um ponto de vista ou do outro, as vezes pode ser que errando sobre detalhes, mas sempre de alguma forma nos proporcionando uma luz inesperada, falam da nossa luta do lado do Bem. O que que eles, os autores, as autoras, têm em comum? As vezes pouco, mas sempre um ponto fundamental: o anseio, o cuidado, a prática  de respeitar a autonomia do Povo Sateré-Mawé organizado nas suas próprias instituições rumo à construção do seu próprio futuro.
As palavras-chaves são no idioma da obra à qual se referem.

B 01 Alba Lucy Giraldo Figueroa
anthropologie
, ethnologie, ethnomédecine, etnologia.
B 02 Wolfgang Kapfhammer
antropologia, etnologia, ethnology, anthropology, economic anthropology, auto-ethnography, developmentalist cosmography (cosmografia desenvolvimentista), museologia. artesanato, assistencialismo, políticas públicas.
B 03 Sônia da Silva Lorenz
história recente (sec.XX), etnodesenvolvimento, agrosilvicultura tradicional
B 04 Pery Teixeira
demografia
B 05 Maurizio Fraboni
etnosviluppo, etnomedicina, etnoepistemologia, diritto indigeno, indians rights, commercio equo, denominação de origem do warana
B 06 Marcus Luiz Barroso Barros
storia, epidemiologia, história
B 07 Maria do Socorro Pacó de Matos
etnoecologia, etnodesenvolvimento, estudos de gênero, estruturas tradicionais de poder e autoridade, associação das mulheres, artesanato, propriedades fitoterápicas do guaraná
B 08 Raynice Geraldine Pereira da Silva
sociolingüística, demografia
B 09 Kalinda Félix de Souza
antropologia urbana, etnomedicina
B 10 Pierre Johnson
biocommerce éthique, commerce équitable
B 11 Andrea Berrini
microcredito, viaggi, storia del progetto guaranà
B 12 Obadias Batista Garcia
museologia, commercio equo, visão empresarial indígena
B 13 Raimundo Nonato Pereira da Silva
educação, ensino universitário, relação entre autonomia étnica e poder público
B 14 Maysa Blay Roizman
propriedade intelectual, marcas registradas, direitos linguísticos
B 15 Ute Miszewski
Agenda 21, basic needs projects around the World of EXPO 2000, sustainable development
B 16 Florence Pinton
stratégies de valorisation des filières
B 17 Lia Krucken
support value, valorisation of agrobiodiversity, agrindustrial design, territorial capital, holistic sustainability, product analysis of "Guaranito".
B 18 Rosângela Alanis
economia, comércio justo, autonomia económica
B 19 Olivier Blond
autonomie politique et commerce équitable, brevets sur le vivant, autonomia politica e commercio equo, brevetti sulla vita
B 20 Stefano Magnoni
commercio equo, genesi del progetto commerciale dei Sateré-Mawé, forme popolari di consumo del guaranà, autonomia economica
B 21 Guillaume Picchiottino
certification et sauvegarde de la biodiversité
B 22 Janet Smith
biography, gender
B 23 Aldo Piccoli
marketing, qualità totale
B 24 Remo Zulli
rapporto di missione, censimento dei guaraneti
B 25 Xavier Bartaburu
renome do santuário ecológico e cultural do guaraná dos Sateré-Mawé
B 26 Giacomo Morandini
cooperazione
B 27 Kércia Priscilla Figuereido Peixoto
comércio justo, turismo comunitário, estratégias de valorização dos produtos amazônicos nos mercados internacionais
B 28 Bastien Beaufort
projet waraná, legendes Sateré-Mawé, histoire, propriétés et usage du guarana, guarana marchandise, guarana végétal psychoactif, écotourisme à Vintequilos, ethnodéveloppement.
B 29  Nek’i Sateré-Mawé / José de Oliveira dos Santos da Silva
educação indígena, revitalização linguística, revitalização cultural
B 30 Selma Xavier de Oliveira
educação ambiental
B 31 Michel Izard
idealização do projeto Waraná, utopie du projet Waraná
B 32 José Huerta
cadeia produtiva do guaraná, cadeia do comércio justo e preservação ecológica e auro-organização dos Sateré-Mawé
B 33 Lise Trégloze
pédagogie du commerce équitable, commerce équitable en Amazônie brésilienne
B 34 Geraldo Mosimann da Silva
indicação geografia, denominaçao de origem, indicaçao de procedencia,
B 35 Frank Melo
mapeamento da Terra Indígena e da area de abrangência do CPSM
B 36 Dulce do Carmo Franceschini
gramática da língua Sateré-Mawé, langue Sateré-Mawé
B 37 Luca Vivian
autobiográfico
B 38 Ramom W. Morato
agroecologia, plantas medicinais
B 39 Arizete Denelly C.S.A.
educação sateré-mawé. educação escolar indígena, Wumupe
B 40 Clara Vignoli
manejo dos guaranazais, agroecologia. propriedade intelectual do guaraná
B 41 Tara Barthel
commerce équitable, filières de production et distribution équitable
B 42 Valentino Piazza
progetto guaranà come progetto integrato
B 43  Elaize Farias
defesa do territòrio sateré-mawé, barragens no Tapajos, Sateré-Mawé isolados, invasão da Elf Aquitaine
B 44  Emilie Vandecandelaere
agroecology, local food systems and their markets
B 45 Sandra Cangemi
Associazione Yara, cooperazione reciproca Nord-Sud, commercio equo, santuario del Guaraná
B 46 Jonilson Laray
meliponicultura, Projeto Autonomo Integrado de Eco-etnodesenvolvimento Sateré-Mawé.
B 47 Fernanda Cristina Moreira
vigilancia, demarcação, Alto Andirá
B 48 Claudia Augustat
work in partnership LAW and Weltmuseum Wien
B 49 Ana Claudia Medeiros
alimentos tradicionais sateré;mawé, agroecologia, educação ambiental
B 50 Marcelo Leite
valor cultural e origem do guaraná, o guaraná no cotidiano sateré
B 51 Carlo Petrini
origine del progetto waranà, biografia Obadias
B 52 Philippe Chibani-Jacquot
ceinture de protection autour du sanctuaire écologique du guarana
B 53 Gilles Fumey
filière du Waraná, Guayapi, Terra Madre
B 54 Neide De Souza Libault
Le projet Waraná, Obadias et d'autres protagonistes
B 55 Mongabay's reporting team: Thais Borges, Sue Branford, Maurício Torres
mineração, grileiros, ameaças de invasão da TI, discriminação racial, tucandeira, Benito Miquiles
B 56 José Guedes
slow food, soberania alimentar indígena
B 57 Ranil Senanayake
manutenção do banco genético do guaraná in situ, jardim florestal
B 58 Bernard Touati
qualité differencielle du warana, qualité differencielle d'un produit des terres d'origines, a qualidade superior do warana (guaraná nativo)
B 59 Charles Roland Clement
história ecológica, domesticação do guaraná
B 60 Anne-Sylvie Malbrancke
tucandeira, initiation à la vie adulte
B 61 Jekupe Mawe / Wasa'i Mawe / Wesley Santos dos Santos
waumat, patawi, revivificação dos ritos e da cultura material sateré-mawé
B 62 Miller Michiles
cultura material, agricultura tradicioal, mandioca
B 63 Pricilene Michiles
cultura material, artesanato, tecnologia fabricação do paneiro
B 64 Marcelo da Silva
cultura material, tecnologia de caça
B 65 Evanilda Michiles
educação indígena sateré-mawé
B 66 Edilson Oliveira
educação indígena sateré-mawé, cultura material, jogos de crianças.
B 67 Sérgio Garcia Wara
progetto Waraná, partenariato con Slow Food
B 68 Gilson Pereira
cultura material, tecnologia de caça
B 69 Hannah Batista
Projeto Waraná, comércio justo, cooperação, relacionamento com o poder público
B 70 Paulo André Nunes
AMISM, mulher indígena na cidade, mobilização contra a pandemia COVID-19
B 71 Michel Izard
football. culture globalisée, projet warana
B 72 Cristina Alvarez
COVID-19, saúde indígena
B 73 Gilson Almeida
comércio e reconhecimento político-cultural
B 74 William Costa
AMISM, mulher indígena na cidade, produção máscaras homologadas para COVID-19, grafismo.
B 75 Ana Luísa Sertã Almada Mauro
botânica sateré, domesticação das plantas, artesanato feminino, história da AMISM, dona Zenilda, rede de trocas entre mulheres sateré.
B 76 Arturo Palma Torres
Impact du commerce équitable
B 77 Katharina Nickoleit
Faire Handel, comércio justo
B 78 Michelle Portela
revitalização cultural, revivificação cultural sateré-mawé
B 79 Mencius Melo
Fridays For Future indígena, Aldeia urbana Sateré-Mawé, AMISM
B 80 Olivia Beatriz Moraes Dias de Aguiar
florestas antrópicas, etnobotânica, etnoedafologia, etnopedologia e manejo florestal sateré-mawé
B 81 Mélanie Congretel
biology of conservation, ethnodevelopment project, guarana project of sateré-mawé people, indigenous local knowledge, ontologies of plants
B 82 Steffanie Schmidt
COVID-19, DSEI Parintins, saúde indígena
B 83 Bruno Kelly
Environmental activism
B 84 Carlos Demeterco
COVID19, Slow Food
B 85 Samela Awiá / Samela Sateré-Mawé
AMISM, COVID19, sateré na cidade
B 86 Aloir Pacini
Sínodo Pan-Amzônia, O PAIESM na Programação. Igreja em Roma pedindo perdão aos índios no Wará.
B 87 Marco Gritti
DO brasiliana, DOP europea.


 

Subpáginas (87): Visualizar tudo